Comprar Software Licenciado: Como viabilizar esse investimento

Comprar Software

Adquirir uma licença de software é mais fácil do que se imagina. Entenda como viabilizar a compra dessas licenças para sua empresa.

Você que gerencia uma empresa, ou mesmo uma microempresa, sabe que é necessário o uso de um ou vários computadores, além de outros equipamentos para o fechamento de suas operações. Mas o que muitos gestores desconsideram é que não basta comprar um computador e instalar os softwares aleatoriamente. É preciso prestar bastante atenção em um detalhe muito ignorado, mas importantíssimo: a necessidade de comprar software licenciado.

Tal licença é importante não somente para garantir a performance e as constantes atualizações do programa, mas também para evitar problemas que comprometam legalidade e a segurança dos dados do seu negócio. Mas, entendemos que pode ser complicado estabelecer uma política de licenciamento de software ou validar este investimento.

Pensando nisso, resolvemos fazer esse post, para mostrar a você como viabilizar a compra da sua licença de software.

Nesse post vamos lhe dar o direcionamento necessário para que não se envolva em problemas com programas irregulares ou piratas, ensinando o que é a licença, como obtê-la e o que fazer em seguida.

Confira!

O que é licença de software?

A licença de software é basicamente uma permissão de uso concedida pelo desenvolvedor do programa, atestando que você o comprou e estabelecendo condições para o seu uso.

Com a licença de software, você pode contar com o suporte contínuo do fabricante, garantindo a correção de falhas graves e o acesso a fóruns oficiais para sanar suas principais dúvidas.

Já um software não-licenciado é uma versão pirateada ou irregular do mesmo programa que viola direitos autorais, incorrendo em crime, além de ser mais instável e vulnerável a ameaças externas, pois não dispõe de atualizações de pacotes de segurança ou apoio logístico.

Com o uso de um software licenciado, você pode conquistar vários beneficios para o seu negócio, como agilidade na execução de tarefas, mais segurança para os seus dados, aumento da produtividade, dentre outros.

Como comprar software licenciado?

Há vários tipos de licença de software e formas de aquisição. Você pode comprar em sites dos fabricantes, revendas autorizadas ou baixar de graça um programa livre. Mas também é preciso visualizar algumas medidas bem convenientes antes e depois de adquirir sua licença:

  • Defina quais softwares você precisa: confira o material disponível em sua companhia e os programas instalados mais utilizados, entendendo melhor o que convém e o que não convém às suas necessidades.
  • Atenção aos custos: ao adquirir e regularizar softwares, vale a pena planejar bem o dinheiro a ser investido. Isto evita que o orçamento estoure com a conciliação de tantas licenças, muitas das quais podem se revelar nem tão úteis assim.
  • Não descarte as opções livres: alguns softwares possuem opções semelhantes em versões que podem ser gratuitas, são os softwares livres ou open source, que impõem poucas restrições ao usuário. Em vários casos, vale a pena dar uma checada neles antes de abrir a carteira.
  • Softwares em nuvem e de monitoramento são boas escolhas: softwares em nuvem (SaaS) podem ser usados em mais de um aparelho, economizando bastante, enquanto softwares de monitoramento permitem que você controle com grande eficiência a instalação de programas não-licenciados nos computadores da empresa.
  • Supervisione: depois de comprar, não deixe de supervisionar seus funcionários (talvez com a ajuda de um software de monitoramento), além de conceber políticas e regras de uso. Criar sua própria regulação é a forma mais responsável de estabelecer desde cedo a conduta esperada e evitar prejuízos.

Por fim, caso haja dúvidas e você esteja inseguro quanto a decidir sozinho todos estes passos, recomendamos a consulta a um especialista de uma revenda ou consultoria. Este profissional te orientará na definição das licenças e softwares mais apropriados.


Cuidados que se deve ter ao comprar uma licença

Ao buscar uma revenda, certifique-se de que é autorizada. Além disso, avalie se ela possui especialistas competentes com a formação ou certificação necessárias para te auxiliar corretamente na instalação do software.

Também preste muita atenção às condições de uso do próprio programa. É ali que você pode conferir se concorda com os limites impostos, com o prazo e se todo o acordo está de conforme o que você deseja.

E quem já tem a licença, precisa renovar!

Lembra quando dissemos que há vários tipos de licença? Há alguns tipos que não são vitalícias e necessitam de renovação periódica.

Também é necessário ficar de olho no prazo estipulado pelo fabricante, já que ultrapassá-lo pode causar o transtorno de forçar uma recompra, o que costuma ser mais caro do que a mera renovação.

Com este texto, esperamos ter conseguido orientar sobre o que fazer para conseguir obter a licença de software e garantir a performance e a legalidade de seus programas.

 

 

[wp-review id=”11346″]

Participe da comunidade
de tecnologia da Tripla

Localização
Rua dos Timbiras, 1532 - 4º andar Lourdes, Belo Horizonte, Minas Gerais
Telefone
+55 31 3370.2600
Contato
Proteção de Dados Pessoais
Copyright © 2020 Tripla